PALCO LIVRE EXPOIDEA 3.0 NA CONCHA ACÚSTICA DA UFPE

A @Produtora Colabor@tiva.PE em parceria com a Cia de Eventos lança publicamente neste sábado o Festival EXPOIDEA 3.0 com uma proposta de valorizar artistas que fomentam a Cultura Livre e a colaboração em Rede.

Todo mês será realizado dentro do Movimento Conch@TIVA um palco livre com os artistas inéditos que possuirem maior pontuação de acordo com o regulamento do Festival (http://www.iteia.org.br/textos/festival-expoidea-30-regulamento)

A entrada desta edição custa 2 quilos de alimentos não perecíveis ou 5 litros de água potável que serão doados às vítimas da seca em Pernambuco. As doações serão organizadas pela Colabor@tiva.PE e realizadas pela UFPE no interior do estado.

PROGRAMAÇÃO:

HORÁRIO – BANDAS

18:00 – OLHOS AQUÁTICOS

19:00 – Conexão Hip-Hop Afro beat

20:00 – Alfolia

21:00 – Pois zé

Nos intervalos teremos a participação do DJ Charles Zambohead. 

START-UP BRASIL CHEGA AO RECIFE. INSCREVA-SE!

Start-Up Brasil é um programa do Governo Federal em parceria com as melhores aceleradoras do mercado para seleção e aceleração de empresas nascentes de base tecnológica e Internet (startups).

Cada startup selecionada receberá até R$200 mil e recursos relevantes das aceleradoras. O Edital será publicado na 2ª semana de abril e as propostas submetidas até 31/05.

O programa tem apoio da EXPOIDEA e do SOFTEX no Recife, e acontece neste sábado dia 20 de abril, das 14h às 18h, no Bairro do Recife.

Inscrições e outras informações clicando AQUI.

.

 

“Soundscraper”, uma torre que gera energia a partir do ruído urbano


Matéria da Revista Exame

Designers criam torre que transforma ruído urbano em energia

Afinados com as tendências da construção verde, cinco designers franceses criaram um projeto ambicioso, o “Soundscraper”, uma torre gigante capaz de captar os ruídos da cidade e transformá-los em eletricidade.

A ideia foi inscrita num concurso de edifícios do futuro promovido pela revista norte-americana eVolo Magazine. Segundo seus criadores, a torre de 100 metros de altura foi projetada para ser instalada próxima a rodovias e estradas com grande fluxo de veículos e onde a poluição sonora atinge seu máximo.

A fachada do arranha-céu é evolutiva, ela vibra dependendo da intensidade e direção dos ruídos urbanos. Recoberta por “cílios” com sensores de som, ela pode captar um amplo espectro de frequência, do tráfego de veículos, de obras em andamento e até mesmo de aviões que atravessam o céu.

“O ruído é parte do ambiente urbano da nossa vida diária e é uma das formas de poluição mais prevalentes nas cidades, mas também é uma importante fonte de energia não valorizada ainda”, dizem seus criadores.

Com base em pesquisas,eles afirmam estimam que uma única torre Soundscraper poderia produzir até 150 MW / h, representando 10% do consumo de iluminação urbana de Los Angeles. Ao mesmo tempo, esta energia renovável poderia ajudar a reduzir as emissões de CO2. A criação é assinada pelos designers Julien Bourgeois, Olivier Colliez, Savinien de Pizzol, Cédric Dounval e Romain Grouselle.

Página 3 de 2612345...1020...Última »

Arquivo por mês